O SEGREDO DA MURALHA DOS VENTOS

A Aventura

O projeto que começou com a tradução e adaptação de A Praga Ardente e depois trouxe a tradução e adaptação de Algo Está Cozinhando e O Enigma do Ettin traz uma nova aventura traduzida e adaptada de diversas aventuras que a Wizards of the Coast publicou gratuitamente em sua página no começo dos anos 2000. A quarta delas será O Segredo da Muralha dos Ventos, uma aventura para personagens de nível 2 a 4.

O Segredo da Muralha dos Ventos traz um pequeno cenário aberto. Enquanto A Praga Ardente é uma masmorra clássica, Algo Está Cozinhando é praticamente um encontro de vilarejo e O Enigma do Ettin é uma aventura que envolve um mistério, O Segredo da Muralha dos Ventos é muito mais a apresentação de uma região para grupos que desejam jogar algo mais na linha “hexcrawl” (um estilo onde o jogo tem um foco no pilar de exploração e muito mais do que uma sequência de fatos e eventos, o jogo é conduzido pelas decisões dos jogadores de desbravarem a “Floresta Negra” ou a “Montanha do Inferno”, e o mestre prepara a região, em maior ou menor escala de detalhes ou improvisação, deixando que a história se crie pelas ações dos próprios jogadores ao invés de um roteiro mais robusto). 

A aventura de Eric Haddock tem bem pouco de uma aventura como se está acostumado a ver, em especial no Brasil. Porém, ela peca um pouco em seu final, pois a impressão que dá é que o jogo estava apenas começando. Por isso, na parte “considerações finais” onde eu escrevo como adaptar a aventura para seu grupo e coisas do tipo, escolhi desta vez sugerir uma continuação para a história, permitindo que o grupo siga o gancho inicial até seu desenvolvimento, também poupando um pouco o trabalho do mestre que muitas vezes busca uma aventura pronta por estar com pouco tempo para preparar uma sessão.

 

Adaptando para os Reinos

Como a aventura é um “Hexcrawl”, é possível que um mestre mais “purista” não queira um pequeno mapa de região ao “seu”  Forgotten Realms. Mas sendo uma microrregião, e tendo tantas áreas ainda a serem desenvolvidas nesta ou naquela região, e tendo em vista a quantidade de material não traduzido de Faerûn para o português, não me parece que ser purista seja a melhor opção, caso o mestre deseje utilizar O Segredo da Muralha dos Ventos em seu cenário. Algumas sugestões de localização da Muralha são a Costa da espada (mas exigiria do mestre rotacionar ou inverter o mapa, já que a costa presente no mapa da aventura fica do outro lado, o que também pode ocorrer nas demais sugestões) ou em algum ponto do Mar das Estrelas Cadentes. Mesmo o Mar da Lua ou o Lago do Vapor podem ser opções. O restante da aventura não tem grandes consequências pros Reinos, já que se trata de uma história local e sem maior repercussão histórica ou geográfica.

Bons jogos.

 

Créditos

Aventura Original de Eric Haddock.
Texto, revisão e adaptação de Rafael Castelo Branco de Oliveira Torres.
Imagem destacada: Childe Roland à Torre Negra Chegou de Thomas Moran.
D&D e Forgotten Realms são produtos de propriedade da Wizards of The Coast.
Originalmente publicado em Meus Pergaminhos.

Baixe aqui a aventura O Segredo da Muralha dos Ventos

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: