Locais em Chult, Parte 5

por Augusto Ballalai e Daniel Bartolomei Vieira
Imagem de Destaque, “Dungrunglung”, arte por Mike Schley

Dungrunglung


Grungs-5e
Os grung, o povo sapo, de Dungrunglung. Arte por Shawn Wood.

Ao sul da nascente do Rio Tiryki fica a aldeia Grung de Dungrunglung, que é considerada a capital do povo sapo. A aldeia é cercada por um labirinto feito por vinhas mágicas. As paredes externas do labirinto possuem espinhos, o que dificulta a passagem forçada. Há somente uma entrada visível, bem como somente uma entrada visível voltada para o lago que há lá dentro, o Lago Grunglung.

No centro do lago pantanoso há uma ilha, a Ilha GroakGroak Isle, onde foi construído em lama um altar na forma de um enorme sapo. O local serve de templo de adoração como também é a casa do Rei Groak, um déspota obcecado na invocação da deusa Nangnang.

O povo sapo de Dungrunglung está passando por tempos de desespero, tanto pela tirania de seu rei quanto pelas constantes tentativas de invasão por parte de mortos-vivos. Embora os Grung não gostem muito de lidar com estrangeiros, na atual situação eles ficarão felizes de colocar qualquer um de fora para resolver seu problema com os zumbis e esqueletos que rondam sua aldeia.

Enseada de KitcherKitcher’s Inlet


A baía rasa onde o Rio Olung deságua foi nomeada assim por causa de um pomposo explorador Cormireano chamado Ilyber Kitcher, que alegava ter descoberto o local muitos séculos atrás. A verdade é que a enseada já era conhecida muito tempo antes de Kitcher ter errado a localização da Baía de ChultBay of Chult e baixar velas erroneamente no lado leste da península antes que uma tempestade súbita o lançasse contra a praia.

Exceto servir de acesso para as ruínas de Porto CastigliarPort Castigliar e Mezro, a enseada não possui qualquer outra característica excepcional.

Focinho de OmgarSnout of Omgar


Antigamente uma península montanhosa, o Focinho de OmgarSnout of Omgar foi separado da Península de ChultChultan Peninsula durante as perturbações causadas pela Praga MágicaSpellplague.

Agora, o Focinho de OmgarSnout of Omgar é uma ilha, e um estreito raso a separa do continente. Por causa disso, o local agora também é muito mais facilmente protegido de invasões. Segundo muitos marujos e cartógrafos, a ilha é a principal característica geográfica que demarca as fronteiras entre Chult e o litoral de Samarach.

Os principais habitantes da ilha são os tortle, o povo tartaruga, que habitavam a região litorânea próxima e reivindicaram a ilha quando ela se separou do continente, fazendo dela seu principal local de desova.

Forte BeluarianFort Beluarian


Na costa leste da Baía de ChultBay of Chult e sobre uma colina baixa com taludes recortados fica Forte BeluarianFort Beluarian, cercada por uma paliçada de madeira. O portão principal do forte fica voltado para o oeste, na direção do litoral. No lado leste do forte fica a fortaleza alta que serve como posto de comando e torre de vigília.

Forte BeluarianFort Beluarian é uma guarnição do Punho FlamejanteFlaming Fist, os mercenários de Portal de BaldurBaldur’s Gate em Chult. Uma quantidade de riqueza enorme passa pelo forte, o que têm tornado os nobres e mercadores de Portal de BaldurBaldur’s Gate cada vez mais ricos. A cidade da Costa da EspadaSword Coast reclama propriedade sobre tudo entre os Penhascos da NévoaMistcliffs e a Enseada de KitcherKitche’s Inlet, e agora que Mezro foi limpa, eles estão tentando reclamar tudo que fica ao sul da Baía SeguraRefuge Bay. O poder militar do Punho FlamejanteFlaming Fist é tão grande que nem mesmo os principes mercantes de Porto NyanzaruPort Nyanzaru são capazes de forçar uma disputa sobre esta reclamação.

Portanto, qualquer um que deseja explorar este território, deve vir até Forte BeluarianFort Beluarian para comprar uma “carteira de explorador”, o que garante uma permissão ao seu proprietário de explorar Chult e pilhar suas riquezas. Entretanto, metade dos frutos destas explorações e pilhagens devem ficar com o Punho FlamejanteFlaming Fist.

A comandante do Punho FlamejanteFlaming Fist no forte é a Chama (Major) Liara Portyr, que responde diretamente ao Grande Duque Ulder Ravengard de Portal de BaldurBaldur’s Gate. Sob o comando de Liara estão a castelã Gruta Halsdottir, três cabos e quarenta e quatro soldados. Um fato desconhecido de seu superior e seus subordinados é que Liara está associada com os piratas que usam o Ancoradouro JahakaJahaka Anchorage, na Baía JahakaJahaka Bay. Ela lhes passa informações acerca das embarcações que zarpam de Porto NyanzaruPort Nyanzaru e fatura uma boa parte dos lucros de seus saques.

Grande TrombetaHigh Horn


Na costa norte da ilha Focinho de OmgarSnout of Omgar, sobre um penhasco rochoso, pode ser vista uma enorme estátua de pedra representando um humanoide com traços quelônios e com uma enorme trombeta de pedra na boca.

A estátua foi feita em homenagem ao tortle chamado Gumdarr, morto há muito tempo, que em sua época ouviu um navio bater contra as rochas do litoral e ficou sobre aquele mesmo penhasco para ter uma visão melhor do naufrágio. Ele usou a trombeta para avisar outros tortle, que ajudaram os sobreviventes a serem resgatados.

O local é perigoso para embarcações e, pelo menos, seis navios naufragaram ali no último século, incluindo a nau capitaneada pela clériga de Umberlee para quem os tortle construíram, em homenagem, o Pálácio TufãoTyphoon Palace em Dengwaru. Além dos perigos das rochas afiadas, um pleiossauro de duas cabeças habita estas águas, sempre aguardando o rescaldo de algum naufrágio.


Referências

PERKINS, C.; DOYLE, W.; WINTER, S. Tomb of Annihilation. Wizards of the Coast, 2017.
PERKINS, C. The Tortle Package: Tomb of Annihilation Supplement. Wizards of the Coast, 2017.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s