Grande Cronologia dos Reinos – Parte 3

Por Daniel Bartolomei Vieira
Imagem de Topo, “Drizzt e Gwenhyvar”, por Todd Lockwood

Cerca de -24.400 CV

A Era dos DragõesTime of Dragons chega ao fim.

Acontecimento Referente: a Faerûn


A cidade élfica de Occidian é saqueada por uma horda de orcs liderada pelo demônio abissal Haeshkarr, que depois também ataca Sharlarion. A horda e Haeshkarr são derrotados pelos Elfos a um grande custo.

Acontecimento Referente: aos Elfos

O Primeiro FlorescerThe First Flowering

-24.000 CV até -12.000 CV

A Primeira SeparaçãoThe First Sundering

Faerûn cerca de -23.000 CV
Faerûn, cerca de -23.000 CV

As grandes civilizações dos élficas de Faerûn atingem o seu auge durante esta era. Como resultado do sucesso dos Elfos contra os Orcs, Dragões e Gigantes, as outras raças prosperam em segurança e começam uma escalada lenta em direção da civilização.

Durante os próximos milênios, as civilizações élficas marcam o tempo pelos reinados dos governantes. A palavra élfica rysar é usada para definir um período de tempo ou geração importante, dependendo do seu contexto. Como medida de tempo neste contexto, um rysar engloba o reinado de um determinado governante ou coronal.

Acontecimento Referente: a Faerûn

Guerra CouatlCouatl War

Cerca de -24.000 CV até -23.000 CV

Durante séculos o Couatls (chamados a serviço pelo deus Ubtao, um exército de serpentes aladas chega nas Selvas de ChultJungles of Chult vindos de Maztica) e os Yuan-ti lutam contra os outros para o controle da Península de ChultChultan Peninsula. Repetidamente os Yuan-ti são obrigados a conceder suas terras ocidentais aos couatls, até que a guerra termina em um impasse com as Montanhas HazurHazur Mountains como a linha divisória entre os dois territórios.

Acontecimento Referente: a Península de ChultChultan Peninsula

Cerca de -24.000 CV

A Mhairshaulk governada pelos Yuan-ti vai a ruínas graças a repetidos ataques contra suas cidades pelos grandes dragões do sul.

Acontecimento Referente: a Península de ChultChultan Peninsula

-24.000 CV

A Primeira SeparaçãoThe First Sundering

Abeir-Toril cerca de -24.000 CV
Abeir-Toril, cerca de -24.000 CV

Centenas de Altos MagosHigh Magi se reúnem no centro de Faerûn, na torre de Local de EncontroGathering Place, para criar o novo lar élfico de Encontro EternoEvermeet. Ignorando a lição aprendida com a destruição de Tintageer séculos antes, eles conjuram um feitiço de Alta MagiaHigh Magic élfica projetada para criar uma gloriosa pátria élfica. No Dia do NascimentoDay of Birthing, a magia atinge seu ápice assim que se estende tanto para trás e para quanto para frente nas brumas do tempo. Merrourboros, a Terra ÚnicaOne Land, é partida ao meio pela força desenfreada d’A SeparaçãoThe Sundering. Como resultado, centenas de cidades são devastadas, milhares de elfos são mortos e a superfície de Toril é mudada para sempre. O nome Faerun, já não mais a Terra ÚnicaOne Land, é dado ao maior continente. Rodeada por vastas extensões de água, a ilha de Encontro EternoEvermeet, pensada para ser um pedaço de Arvandor e uma ponte entre os mundos, surge na superfície do Mar Sem RastrosTrackless Sea. Abençoadas pela deusa Angharradh, florestas verdejantes e animais selvagens em breve florescem por toda a ilha. Corellon Larethian protege Encontro EternoEvermeet contra Lolth, Malar e os outros poderes dos anti-Seldarine e confia uma semente única para o Belo PovoFair Folk da ilha. A semente logo brota, crescendo como uma árvore em miniatura conhecida como a Árvore das AlmasTree of Souls. Com o tempo, as almas dos elfos antigos que optam por permanecer em Toril, em vez de passar para Arvandor, fundem-se com a Árvore das AlmasTree of Souls, aumentando lentamente o seu poder. Profecias revelam que a árvore das almas será um dia plantada em Faerûn quando o Belo PovoFair Folk finalmente retornar ao continente depois de um período de exílio na Ilha VerdeGreen Isle.

Este evento é anotado como ocorrendo em -17.600 CV em alguns documentos.

Acontecimento Referente: a Faerûn, aos Elfos


Na esteira d’A SeparaçãoThe Sundering, muitos humanos de descendência Azuposi encontram-se no continente de Faerûn ou espalhados pelas ilhas recentemente criadas no Mar Sem RastrosTrackless Sea. Por volta de -3.000 CV, estes seres humanos tornar-se-iam conhecidos como o povo Illuskano.

Outras tribos humanas também encontram-se abandonadas no continente de Faerûn, separadas de sua pátria em Katashaka. Concentradas principalmente no sul, ao longo das margens do Grande MarGreat Sea, estas tribos são conhecidas como Tashalanos, Lapalanos, Shaaranos e Durpari.

Acontecimento Referente: a Faerûn


O dragão celestial T’ien Lung lidera uma tribo de humanos ao norte e leste para se estabelecerem entre as terras onde hoje é Semphar, Floresta SkalhoondSkalhoond Forest e os Picos de FogoFirepeaks. Estes seres humanos tornam-se conhecidos como Lung, os antepassados dos Tuiganos, Shou, Wang e outros humanos de Kara-Tur e do Extremo Oriente.

Acontecimento Referente: a Faerûn

Cerca de -23.900 CV

A comunidade florestal de Sharlarion sobrevive A SeparaçãoThe Sundering quase que completamente. Estes Elfos afortunados aumentam seu número e se espalham pela floresta, colinas e planícies ao redor.

O reino élfico de Aryvandaar (onde hoje fica a Floresta AltaHigh Forest) é estabelecido.

Acontecimento Referente: aos Elfos

-23.600 CV

Estabelecimento dos primeiros assentamentos dos elfos da lua de Shantel Othreier (onde hoje fica os Campos VerdesGreen Fields). Isto incluiu a cidade de elfos da lua de Ardeep (que inclui a Floresta ArdeepArdeep Forest), que era um reino vassalo de Shantel Othreier.

Acontecimento Referente: aos Elfos

-23.200 CV

Assentamentos Ilythiiri espalham-se para o sul e leste (onde hoje ficam o Shaar e a Floresta de AmtarForest of Amtar).

Acontecimento Referente: aos Elfos

-23.100 CV

Estabelecimento dos primeiros assentamentos do elfos dourados e da lua de Syòrpiir (onde hoje ficam a Floresta AnkAnkwood e a Floresta ChondalChondalwood).

Acontecimento Referente: aos Elfos

-22.900 CV

O assentamento élfico de Illefarn (onde hoje ficam a Floresta ArdeepArdeep Forest e a Floresta Jardim da CriptaKryptgarden Forest e partes do Vale do DessarinDessarin Valley) é fundada, e elfos verdes juntam-se aos seus primos elfos da lua em Ardeep.

Acontecimento Referente: aos Elfos

-22.500 CV

Estabelecimento dos assentamentos dos elfos da lua de Orishaar (onde hoje ficam a Floresta do CrepúsculoDuskwood e o Shaar).

Acontecimento Referente: aos Elfos

-21.400 CV

Estabelecimento dos assentamentos de elfos verdes de Thearnytaar (onde hoje fica a Floresta dos EspinhosThornwood).

Acontecimento Referente: aos Elfos

-21.000 CV

Estabelecimento dos assentamentos de elfos verdes de Eiellûr (onde hoje fica a Floresta InvernalWinterwood).

Acontecimento Referente: aos Elfos

-20.000 CV

Orishaar e a nação sulista de elfos negros de Ilythiir começam disputas que continuam durante os próximos sete milênios.

Acontecimento Referente: aos Elfos


Evidências de esculturas em algumas cavernas marítmas sugerem que os Sereianos, Locathah e Sahuagin existiam em Seros e lutaram entre si desde aquela época.

Acontecimento Referente: a Seros


Nesta época, os reinos élficos de Eiellûr, Orishaar, Syòrpiir e Thearnytaar se estabelecem nas florestas ao redor do Lago de VaporLake of Steam. Mais ao sul fica a já estabelecida Illythiir e ao norte e oeste ficam Aryvandaar e Illefarn.

Acontecimento Referente: a Faerûn

-18.800 CV

Estabelecimento dos primeiros assentamentos élficos de Miyeritar (onde hoje ficam os Charcos ElevadosHigh Moor e a Floresta NebulosaMisty Forest) por elfos verdes e negros, devido a diferenças políticas com os elfos dourados de Aryvandaar.

Acontecimento Referente: aos Elfos

Cerca de -18.000 CV

Estimativas lógicas sugerem que a Cidadela do CorvoCitadel of the Raven foi construída neste período. Alguns estudiosos afirmam que a cidadela é evidência irrefutável de que uma grande nação humana existiu em Faerûn muito antes da história registrada. Os sábios teorizaram ainda que os bárbaros d’O PercursoThe Ride são os descendentes daquela antiga civilização. A Cidadela do CorvoCitadel of the Raven é uma série de fortificações interligadas esculpidas nas encostas setentrionais das Montanhas Espinha do DragãoDragonspine Mountains ao norte de Onda TeshTeshwave. Durante muitos anos, os bandidos humanos e meio-orcs usaram a cidadela como um refúgio, mas a civilização eliminou esses saqueadores enquanto avançava para o norte.

Acontecimento Referente: ao Mar da LuaMoonsea

-17.800 CV

Estabelecimento dos grandes povoados élficos de Keltormir (onde hoje fica a floresta de Wealdath, em Tethyr, que se estendia para Amn, Erlkazar e Calimshan) por elfos da lua e elfos verdes, buscando paz e vidas simples longe das disputas dos outros reinos élficos.

Acontecimento Referente: aos Elfos

-17.500 CV

Os reinos independentes dos reinos élficos silvestres de Thearnytaar, Eiellûr e Syòrpiir abrem discussões sobre a unificação dos elfos da Floresta dos SátirosSatyrwood (onde hoje ficam a Floresta dos EspinhosThornwood e a Floresta ChondalChondalwood).

Acontecimento Referente: aos Elfos

Voltar para a Parte 2

Seguir para a Parte 4


Referências

BAKER, R.; BONNY, E.; STOUT, T. Lost Empires of Faerûn. Wizards of the Coast, 2005.
CUNNINGHAM, E. Evermeet: Island of Elves. TSR, Inc., 1998.
GREENWOOD, E.; BOYD, E. L.; DRADER, D. Serpent Kingdoms. Wizards of the Coast, 2004.
GREENWOOD, E.; REYNOLDS, S. K.; WILLIAMS, S.; HEINSOO, R. Forgotten Realms: Os Reinos Esquecidos. Devir, 2002.
SCHEND, S. E.; MELKA, K. Cormanthyr: Empire of the Elves. TSR, Inc., 1998.
SCHEND, S. E.; DONOVAN, D. Empires of the Shining Sea. TSR, Inc. 1998.

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s